LUCYMEIRE

Paulo Aguiar
Em 21/02/91

Pela manhã
O sol nascente
De repente diz pra gente
Que a existência é linda
E você menina é linda
Lucymeire luz e cor
Lucymeire meu amor
Seus cabelos negros
Seus olhos brilhantes
Seus sorrisos que estão
Sempre transmitindo paz
Pela manhã
O sol nascente
Na boca do rio
Sentindo arrepio
Vi você em minha em frente
A gente na boca do rio
A gente na boca da gente
Bebendo mel de amor
Trocando o sabor
De se olhar sem medo
De se tocar sem medo
Pela manhã...

Vire a página.